Romance

O CAÇADOR DE PIPAS - KHALED HOSSEINI

"O caçador de pipas é considerado um dos maiores sucessos da literatura mundial dos últimos tempos. Este romance conta a história da amizade de Amir e Hassan, dois meninos quase da mesma idade, que vivem vidas muito diferentes no Afeganistão da década de 1970. Amir é rico e bem-nascido, um pouco covarde, e sempre em busca da aprovação de seu próprio pai. Hassan, que não sabe ler nem escrever, é conhecido por coragem e bondade. Os dois, no entanto, são loucos por histórias antigas de grandes guerreiros, filmes de caubói americanos e pipas. E é justamente durante um campeonato de pipas, no inverno de 1975, que Hassan dá a Amir a chance de ser um grande homem, mas ele não enxerga sua redenção. Após desperdiçar a última chance, Amir vai para os Estados Unidos, fugindo da invasão soviética ao Afeganistão, mas vinte anos depois Hassan e a pipa azul o fazem voltar à sua terra natal para acertar contas com o passado."

A história já começa com a descrição da vida e personalidade do garoto Amir. Contada com um aspecto encantador e que deixa o leitor curioso. Encantador porque é constituída de forma simples e possui uma riqueza de detalhes que inclui apenas o essencial no enredo. Curiosa, pois, a história acontece em um país muito diferente do nosso e que muitos de nós não conhecem: O Afeganistão.  Além do desenvolver do personagem principal, também conhecemos as mudanças que ocorrem no país em vários períodos, mas principalmente em meados dos anos 70. O autor possui uma autenticidade quando fala do país em que nasceu. A riqueza de detalhes vem nos envolvendo e com toda certeza, surpreendendo, fazendo com que o local tenha um grau de importância tão relevante, quanto os personagens.

Entretanto, os elogios não param por aqui, além de uma ótima escrita, o livro também nos proporciona um enredo que provoca no leitor muitas emoções, a complexidade genial de se contar a trajetória de um protagonista com diversos defeitos, cercado pelas tentações da vida e de seu amigo que é sempre tão leal e mais sábio do que qualquer outro, nos leva a uma dinâmica fantástica em cada página. Hassan amigo de Amir, não é perfeito, entre a história é possível sentir uma grande ternura, um livro que vai mais além do que a história de dois meninos do Afeganistão: Coloca em questão o verdadeiro conceito da palavra amizade e o fundamento que ela possui na vida de um ser humano. As 365 páginas do livro nos deixam anestesiados e, ao mesmo tempo, ansiosos e com uma grande expectativa com a diversidade de sentimentos que a cada capítulo nos faz sentir: revolta, indignação, raiva, sorrisos, lágrimas e uma sensação que há um aprendizado a ser notado em toda história criada pelo maravilhoso autor Khaled Hosseine; O Caçador de Pipas.

“Existe apenas um pecado, um só. E esse pecado é roubar. Qualquer outro é simplesmente a variação do roubo. Quando você mata um homem, está roubando uma vida. Está roubando da esposa, o direito de ter um marido, roubando dos filhos um pai. Quando mente, está roubando de alguém o direito de saber a verdade. Quando trapaceia, está roubando o direito à justiça [...]"

                                                                                                (O Caçador de Pipas)

 

 

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!